“Lança o teu pão sobre as águas porque depois de muitos dias o acharás. ( Eclesiastes 11:1)
É exatamente assim que me sinto hoje em relação a Diogo Monzo."
  ​
​Ueslei Banus
Mestre em Música pela University of Wyoming
Professor & Coordenador do CBM-CEU
Maestro da OBJCBM & Coro Polifonia Carioca

"em “Meu samba parece com quê?”, o pianista Diogo Monzo mostra suas boas credenciais. Se as versões para “Samba de uma nota só” (Tom Jobim e Newton Mendonça) e o choro “Escorregando” (Ernesto Nazareth) são apenas corretas, em suas composições ele vai além. Monzo assina seis das nove faixas do CD, com destaque para dois temas instrospectivos, “Manhã” e “Branquinha”, com ecos de Bill Evans." 

Antônio Carlos Miguel

Colunista do G1

​"Diogo Monzo possui um "feeling" e uma sofisticada técnica de música moderna com o swing e harmonia do gospel e uma sólida formação no piano erudito. É um excelente pianista e compositor, tem sido um dos meus melhores alunos de piano popular e harmonia."

Jeff Gardner

autor de "Jazz Piano: Creative Concepts and Techniques"
Ex professor da New York University

"É um trabalho onde demonstras enorme domínio da harmonia. É um trabalho de muito bom gosto. Os vídeos estão excelentes! Sem dúvida, embora eu não seja profundo conhecedor deste repertório, é claro e perceptível o pensamento renovador que imprimistes. Parabéns pelo teu trabalho!" 


Flávio Santos Pereira

Doutor em Composição pela UFRGS

Professor da UNB

 

"Parabéns pela sensibilidade e carinho com as notas, mano! Muito bom encontrar gente preocupada com a excelência e o bom gosto musical num mundo onde a música se transforma, a cada dia, em mero produto de consumo ao invés de arte! Que O Pai do Céu te abençoe sempre!"

 

João Alexandre

"Boa indagação da capa do CD, "Meu Samba Parece Com Quê?" Aparentemente fácil de responder, porém um pouco mais complexa é a reflexão. A primeira resposta exata que me vem à cabeça é que se trata de uma música executada com todos os requisitos necessários para se permitir penetrar nos corações de quem a escuta, primorosa técnica aliada a uma compreensão minuciosa do fazer musical. Parace com música instrumental brasileira autêntica, genuína, de linhagem "Eciana", porém carregada de um contemporanismo que leva adiante as escolas, tornando-as novas. A verdade é que parece que eu vou ouvir muito esse CD. Parabéns Diogo, belo trabalho."

 

Jarbas Cavendish

Professor da UFG

 

 

"Diogo Monzo is a fresh voice on the horizon of jazz-infused hymn settings for the piano. His technique is flawless. His rhythmic grooves are totally "in the pocket". His harmonic changes push the edge some but also delight the ear. This may or may not be the kind of music one would play for a worship service, but it certainly is a beautiful creative expression of how this gifted artist hears time-honored hymns. The psalmist encourages us to "sing a new song to the Lord" and Diogo Monzo is a bright, talented voice that is doing just that."

Mark Hayes

Composer, Arranger and Pianist

"A deliciosa música instrumental de Diogo Monzo passeia pelo Samba fino de Antonio Carlos Jobim e Ernesto Nazaret, entre outros, mas é na lavra natural que o pianista se concentra na maior parte do disco. “Nosso Pai Que Estás Nos Céus” (Nabor Nunes Filho) é um dos momentos mais sublimes do álbum. A canção agrega percussão que roça a música nordestina, e possui uma lindíssima interpretação de toda a banda. O disco vai agradar aos que curtem a valiosa música instrumental, sobretudo Jazz e Samba instrumental, para saciar aqueles momentos onde queremos paz e bem-estar."

Resenha publicada no site Galeria Musical

“É um trabalho bem maduro e ao mesmo tempo técnico. Adorei os temas e as interpretações descentes."

Ney Conceição

​Músico e Compositor​

 

© 2018 Diogo Monzo. Todos os direitos reservados.

  • facebook
  • Instagram Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • twitter